Twitter

domingo, 30 de agosto de 2015

Comando Para Matar (1985) - Roy Huggins

Comando Para Matar (MP4) - Legendado/Dublado

Sinopse:  John Matrix (Arnold Schwarzenegger) é um coronel aposentado há dez anos que vive para Jenny Matrix (Alyssa Milano), sua filha. Repentinamente ela é seqüestrada por Arius (Dan Hedaya), um ex-ditador latino-americano que espera recuperar o poder, e que para isto chantageia Matrix, ordenando-o que mate o presidente Velasquez, o atual mandatário. Mas John foge do avião e tem só 11 horas para resgatar Jenny antes que descubram que escapou e não pretende cometer nenhum assassinato. Na sua tentativa só encontra obstáculos pelo caminho e a única pessoa que fica do seu lado é Cindy (Rae Dawn Chong), uma aeromoça.









Ficha do Filme:
Título no Brasil: Comando Para Matar
Título Original: Commando
Ano de Lançamento: 1985
Gênero: Ação
País de Origem: EUA
Duração: 90 minutos
Estúdio/Distrib.: Fox Filmes
Direção: Mark L. Lester

Dados do Arquivo (Legendado):
Tamanho: 600 Mb
Formato: MP4
Codec de Vídeo: XviD
Codec de Áudio: MP3
Qualidade: DVDRip
Áudio: Inglês
Legenda: Português

BAIXAR FILME                
LEGENDA            

TORRENT                 
Para este torrent utilize as legendas acima. 

Dados do Arquivo (Dublado):
Tamanho: 624 Mb
Formato: MP4
Codec de Vídeo: XviD
Codec de Áudio: MP3
Qualidade: DVDRip
Áudio: Português
Legenda: S/L

BAIXAR FILME                

TORRENT                 
Para este torrent utilize as legendas acima. 

Elenco:
Arnold
Schwarzenegger
(John Matrix)
Rae Dawn Chong
(Cindy)
Alyssa Milano
(Jenny Matrix)














Dan Hedaya (Arius)
Vernon Wells (Bennett)
James Olson (Major General Franklin Kirby)
David Patrick Kelly (Sully)
Bill Duke (Cooke)
Drew Snyder (Lawson)
Sharon Wyatt (Leslie)
Michael Delano (Forrestal)
Bob Minor (Jackson)
Michael Adams (Harris)
Gary Carlos Cervantes (Diaz)
Lenny Juliano (Soldier)
Charles Meshack (Henriques)

Curiosidades:
- Ao longo de Comando para Matar o personagem de Arnold Schwarzenegger mata nada mais nada menos do que 88 pessoas.





Nenhum comentário:

Postar um comentário